Ainda se MORRE por Jesus?

Não Ignore

É importante saber que: “Atualmente, mais cristãos são mortos por causa da fé em Jesus do que no auge das piores perseguições do Império Romano. A Enciclopédia Cristã Mundial afirma que, só em 1998, mais de 156 mil cristãos foram martirizados no mundo. Estima-se que 164 mil foram executados em 1999. Quase 170 mil perderam a vida em 2000 e, em 2005, mais de 200 mil Jesus Freaks foram mortos. E as projeções para 2010 falam em mais de 240 mil mártires ao redor do mundo.”

Informações encontradas no “Interpretação Anual do Megacenso Cristão, feita por David B. Barrett e Todd M. Johnson, mais de 70 milhões de cristãos em todo o mundo já foram mortos pela fé que professaram desde Estevão, o primeiro mártir.

São 550 cristãos assassinados todo dia. Isso equivale a 23 mártires por hora, ou seja, um herói da fé é morto a cada 3 minutos. E os números continuam aumentando.

  • Na foto se pode ver que gastam 2 militares para imobilizar a missionária (estes usam luvas brancas).  Vejam que eles se abaixam para os lados, para que evitem manchar suas fardas com o sangue da vítima. Enquanto um outro aponta a arma para a cabeça. O evento é assistido de perto por toda a corporação, que tem diante de si, uma fila linear de servos do Senhor Jesus, condenados à morte com um tiro pelas costas. Usam sem misericórdia, a opressão e o terror da morte para calar o povo de Deus.

Ainda se morre por Jesus

Ainda se morre por Jesus. 02

2015 – O grupo islâmico radical continua avançando e tomando cidades. Ao tomá-las, eles separam os cristãos dentre os islamitas e matam sem misericórdia os que são de Jesus, sejam quais forem suas idades, até os pequeninos. Estes filhos de cristãos são da maior cidade do Iraq, chamada Quaragosth. Hoje, elas já estão com o Senhor Jesus. Elas chegaram no Paraíso trazendo em suas mãos a VITÓRIA ETERNA. Glória a Deus! 

Sem comentar dos milhares (por todo o mundo), que todos os dias são perseguidos, têm seus bens confiscados, são separados da família, aprisionados e torturados e que, apesar de tudo, não chegam a ser mortos por sua fé, apesar de nunca negarem a Cristo.

Assista este pequeno e surpreendente vídeo:

Richard Wurmbrand Testemunho Torturado Por Amor A Cristo

O livro Torturado Por Amor a Cristo, que conta a história de Richard Wurmbrand, que passou quatorze anos como prisioneiro dos comunistas, torturado em sua própria terra natal, a Romênia. Onde ele relata sobre a Igreja Subterrânea, sobre o que cristãos em terra comunistas passaram e sobre o milagre de inúmeras conversões a Cristo, mesmo em terras onde a perseguição resistia desumana e cruel.

Torturado por amor a Cristo.Eles são poucos conhecidos na Terra, mas são Famosos no céu. (Fonte: livro “Loucas por Jesus — Jesus Freaks —, de Lúcio Barreto Jr. Postado no Alocêntrica )

Você é famoso no céu?

“Mas, SE ALGUÉM ama a Deus, esse é conhecido Dele.” (I Corintios 8:3).

África que hospedou a última Copa do Mundo

construiu Grandes Estádios que custaram MILHÕES de MILHÕES.

Agora, querem demolir os estádios que foram construídos em localidades que nem time de futebol tem, e devido os altos custos de manutenção dos mesmos,…  Agora querem DEMOLIR OS ESTÁDIOS.

Acreditem os MILHÕES vão virar pó! Neste mesmo País, a famosa Costa do Marfin continua cenário de perseguição religiosa. Irmãos negros são queimados vivos sobre o olhar da população (e até autoridades) que nada fazem para impedir,… Apenas porque pessoas decidiram crer no Senhor Jesus como único e suficiente Salvador e insistem em pregar o Evangelho de Cristo. A únicas coisas que tem calado os cristãos perseguidos são a morte nas chamas do fogo de seus algozes.

  • Que mundo é esteque gastam MILHÕES em prol do futebol até num País onde a fome acampa ao redor dos pequeninos?

    Mãe e a fome na África.

  • Que mundo é este que nega ao povo o direito a exercer fé em Jesus que por amor, também doou sua vida afim de mostrar o caminho e pagar o resgate a TODOS os oprimidos que crerem para uma VIDA ETERNA NO REINO DO DEUS ALTÍSSIMO?

Ainda se MORRE por Jesus.

ATENÇÃO!!! ESSE VÍDEO TEM CENAS FORTES, ASSISTA SOMENTE SE ESTIVER PREPARADO! Esse vídeo é real (Está disponível no Facebook – Inscreva-se), e mostra uma família queimada viva,  sendo assassinada na Costa do Marfin. Simplesmente por serem Cristãos e pregarem o Evangelho a outros,… você está preparado para isso???

Video Thumb

O vídeo foi excluído no YouTube, com a alegação de conter cenas fortes,… mas beijo de dois (atores) homens  pode até nas novelas da Globo. Os nossos filhos e filhas teem que ver isso, pois as autoridades até promovem. Que mundo é este?

Os maiores de 18 anos podem assistir o vídeo dos cristãos sendo mortos, dê um clique neste link do YouTube:

http://www.youtube.com/verify_age?next_url=http%3A//www.youtube.com/watch%3Fv%3DyxfW9P82vgY

Este jovem pastor ou nega a Cristo ou será sentenciado a prisão perpétua ou a morte:

Pastor Nadarkhani foi preso em outubro de 2009 durante tentativa de registrar sua igreja. Ele foi julgado e considerado culpado de apostasia (abandonar o islã) em setembro de 2010. Ele foi condenado à morte.
A Suprema Corte recentemente deu o ultimato:

Pastor iraniano pode ser executado por não negar a Cristo.
O pastor iraniano Yousef Nadarkhani passará por mais um julgamento onde será obrigado a negar sua fé em Jesus Cristo, caso não o faça, será sentenciado à morte.
Sob a acusação de apostasia, o tribunal da província de Gilan determinou que ele devia negar sua fé em Jesus Cristo e voltar a ser muçulmano já que Nadarkhani vem de uma família de ascendência islâmica.

Quando pediram a ele para que se “arrependesse” diante dos juízes, Yousef disse: “Arrependimento significar voltar. Eu devo voltar para o quê? Para a blasfêmia que vivia antes de conhecer a Cristo?” Os juízes responderam: “você deve voltar para a religião dos seus antepassados, deve voltar ao Islã”. Yousef ouviu e respondeu: “Eu não posso fazer isso.” Orem por este irmão que “…também está enfrentando dificuldades legais”. (Fonte: Gospel Prime e Missão Portas Abertas).

@MCrivella apela ao governo do Irã que poupe a vida do #pastorIlsefNardacani

http://www.youtube.com/watch?v=MajqtccfJkM&feature=player_embedded&noredirect=1

Lamentamos informar que: “Sendo comunicado Pelo o Grupo ISIS (Estado Islâmico) para não falar de Jesus, o mesmo não parou! E foi condenado a pena capital, morte por enforcamento! Pastor Youcef, Tenho Saudades. Hoje faz 2 anos que te perdemos! Obrigado por influenciar a todos nós do Grupo EUEI do Facebook, em breve nos veremos na Glória com o Senhor Jesus!”

Esta é a lei da Sharia que está no Alcorão, que diz que os infiéis devem ser executados.

O Papa beija o Alcorão.

Como você pode notar, nem nos Direitos Humanos, nem os Deputados, nem o Papa poderá salvá-lo da perseguição religiosa.

Não há poder capaz de matar a fé, nem mesmo dos pequeninos. O Império Romano, a “santa” Inquisição Papal e outras perseguições já tentaram isso. Jesus nos fortalece para resistir perseguições, se for preciso, pois, os inimigos podem até nos matar, mas, não podem nos tirar a Vitória nem a Vida Eterna em Cristo Jesus. Só Ele venceu a morte e nós já vencemos com Ele.

O túmulo de Jesus está vazio,…

Em breve Jesus voltará…

Vale a pena viver e até morrer por Jesus. Aleluia! Glória a Deus!!!

“Numa época  onde ser Cristão…

“Una epoca donde ser cristiano costaba la vida,
cuando el lugar de reunión era una catacumba,
el unico instrumento era la voz para cantar los Salmos,
las Escrituras eran llevadas en la mente y el corazón,
y la Fe en Cristo brillaba mucho más que el sol”. (Sinópse do vídeo a seguir).

(el video puede ser perturbador para algunos).

Los Martires en el coliseo Romano

Eles não fracassaram,… JAMAIS!

Responda: _Você é Cristão de verdade?

Cristãos Perseguidos

http://www.youtube.com/watch?v=7S97GZIgXEQ&feature=fvwp&NR=1

Divulgue nosso Blog enquanto há tempo, companheiro!

Se você ainda não tem a certeza da sua Salvação e Vida Eterna, aceite que Jesus pague o teu resgate hoje mesmo. Dê um clique neste link, e decida, enquanto há tempo!

https://oslimpatrilhos.wordpress.com/como-escapar-do-juizo-final/

Que Deus abençoe a todos nós, com Vitória Eterna.

Os Limpa Trilhos do Rei.

______________________________________________________

Continue lendo “Gasta-se mais”
Leia também “Porque”
E ainda “Duas Portas,… Dois Caminhos”

______________________________________________________

7 Comentários

  1. Eu vi esse video na comunidade faz uns tres meses….fiquei chocada , fiquei alguns dias muito triste…Eles podem apagar o que bem entenderem mais Deus tem tudo gravado…à Ele pertence a vingança.

    NOSSA RESPOSTA:

    Marta,
    obrigado por comentar.

    Que Deus tenha misericórdia deste mundo tão perdido!

  2. Não sou cristao mas deixo aqui os meus pesames por esta pobre família que foi humilhada injustamente.
    Por isso eu digo não importa o que vc faça se vc é cristão, judeu ou gay, ninguém merece tamanha humilhaçao!

    NOSSA RESPOSTA:
    Ravok,
    concordo contigo. E lembro a você que o Senhor Jesus pagou os pecados de TODOS, quando doou voluntáriamente sua vida na cruz do Calvário. Mas, é preciso aceitar, crendo Nele, para que nossas dívidas sejam quitadas para sempre. Portanto, Cristo amou a todos e NÃO FAZ EXCEPÇÃO DE PESSOAS.

    Leia este tópico surpreendente:

    http://cachoeiradourada.wordpress.com/qual-o-seu-tamanho/

    Que Deus abençoe a todos nós.

  3. Você queria que o Papa tivesse rasgado o Alcorão ?, assim a perseguição contra os cristãos iria triplicar, e há muito tempo que o Papa pede paz justamente para acabar com essa perseguição

    JÁ VOCÊ BUSCA OS MOTIVOS MAIS IDIOTAS PARA ATACAR O CATOLICISMO, E SEMPRE O CATOLICISMO

    NOSSA RESPOSTA:

    Willhame,
    leia a Bíblia e veja que a “igreja” do Papado jamais foi a favor da Palavra de Deus, e sim da falsa tradição. Tanto é que na “santa” inquisição queimaram montanhas de Bíblias em praça pública. Pesquise sobre este tema e leia este tópico:

    https://oslimpatrilhos.wordpress.com/inquisicao/

    Os próprios católicos de hoje é quem afirmam que o Vaticano está mesmo dominado por satanistas,… assista os vídeos, aqui:
    https://oslimpatrilhos.wordpress.com/catolicos/

    Saiba também que os originais dos livros da Bíblia encontrados nas montanhas do mar morto, jamais estiveram em poder do Vaticano, e sim dos evangélicos,… acorda, companheiro! Aceite a Jesus enquanto há tempo?

    • Primeiramente, o que tem haver o meu comentário com a sua resposta ?, Por que despeja todo o seu ódio doentio contra a Igreja por causa de uma pergunta de resposta tão simples ?

      A Inquisição você acha que foi somente católica, como é que tantas bíblias foram queimadas numa época em que se quer existiam maquinas fotocopiadoras para obte-las ?, quem quisesse uma bíblia teria que copiar inteira de próprio punho, durante a Idade Média as pessoas não sabiam ler, era muito mais importante a tradição

      Se uma minoria de futuros evangélicos pensam que o Vaticano esta dominado por satanistas, não quer dizer que a maioria vai pensar o mesmo, eu duvido se você chama de satanismo a confusão teológica em que a “Igreja” evangélica se transformou, fica difícil até alguém ficar adstrito a sua interpretação bíblica

      E onde estão esses “livros originais” hoje ?, como eles foram parar nas mãos dos “evangélicos” ?, e se os evangélicos se baseiam por esse livro por que há tantas denominações evangélicas com interpretações bíblicas completamente diferentes umas das outras ?, INTERPRETANDO A “BÍBLIA” EVANGÉLICA ?

      ESPERO QUE VOCÊ NÃO ACHE QUE CATÓLICOS NÃO SOFRAM PERSEGUIÇÃO TAMBÉM, E SOBRE ACEITAR JESUS, EU PREFIRO O JESUS DA FÉ INTELIGENTE, DO QUE O DA LAVAGEM CEREBRAL QUE VOCÊS SOFREM

      ESSE ACEITAR JESUS, SE REFERE AS SEGUINTES TÉCNICAS QUE OS PASTORES USAM NOS FIEIS:

      1) Colapso forçado ou “Descondicionamento”:
      2) Submissão e identificação:
      3) Recondicionamento
      Protestantismo e a lavagem cerebral…

      CEDO OU TARDE VOCÊS SERÃO MAIORIA, NÃO PRECISA ATACAR A IGREJA CATÓLICA DE MANEIRA TÃO AGRESSIVA, SIMPLESMENTE COM O INTUITO DESESPERADO DE QUE EU ME TORNE MAIS UM EVANGÉLICO, PODE ESPERAR QUE É A INIQUIDADE QUE VAI SE MULTIPLICAR

      AGORA EU TE PERGUNTO, VOCÊ RASGARIA OU QUEIMARIA O ALCORÃO PUBLICAMENTE, OU EM ALGUM VÍDEO DO YOUTUBE ?

      NOSSA RESPOSTA:
      Willhame,
      nós não gueimariamos nenhum livro publicamente, porque isso é costume dos Papas, que fizeram isso sim. Pesquise e terá muitas confirmações.

      A “santa” Inquisição é obra satânica e exclusiva da “católica” ROMANA, até você sabe disso.

      Veja o que diz a enciclopédia: “A Inquisição romana ou “Congregação da Sacra, Romana e Universal Inquisição do Santo Ofício” existiu entre 1542 e 1965″. (Fonte: Wikipédia). Portanto, havias Bíblias impressas sim, e o papado queimou montanhas delas, leia nosso tópico “Inquisição” em nosso Blog.

      “A produção da Bíblia começou em 1450, tendo Gutenberg usado uma prensa de tipos móveis. Essa Bíblia é considerada o incunábulo mais importante, pois marca o início da produção em massa de livros no Ocidente.

      Elas foram impressas, rubricadas e iluminadas à mão em um período de três anos.
      Localizações conhecidas das Bíblias de Gutenberg

      Áustria (1)

      Biblioteca Nacional Austríaca (Österreichische Nationalbibliothek), em Viena

      Bélgica (1)

      Bibliotheque Universitaire em Mons

      Brasil (2)

      Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro
      Uma família muito rica de São Paulo, que prefere o anonimato” (Fonte: Wikipédia).

      Todos nossos leitores podem conferir no link acima, que Willhame tenta nos enganar a favor do Papado, pois, a Bíblia de Gutemberg original, encontrada no Vaticano, até o Brasil tem duas iguais. Isso impede que o Papa a falsifique para enganar o povo.

      “O estudo de manuscritos bíblicos é de grande importância, pois cópias manuscritas de textos costumam apresentar erros. A ciência da crítica textual procura reconstruir o conteúdo dos textos originais a partir destes manuscritos, produzidos em geral antes da invenção da imprensa.

      …a descoberta dos Pergaminhos do Mar Morto em 1947 em Qumran levou a história dos manuscritos judaicos um milênio para trás destes códices. Dos cerca de 800 manuscritos encontrados em Qumran, cerca de 220 são referentes ao Antigo Testamento ou Tanakh. Cada livro do Antigo Testamento ou Tanakh está representado entre os Pergaminhos do Mar Morto com exceção do livro de Ester, embora a maior parte seja fragmentária. Notavelmente foram encontradas em Qumran dois rolos de pergaminho contendo o livro de Isaías, um completo (1QIsa) e outro contendo 75% deste(1QIsb). Esses manuscritos são geralmente datados entre 150 A.C. e 70 D.C.[1]

      O Novo Testamento foi melhor preservado em manuscritos do que qualquer outro livro antigo, possuindo mais de 5.400 manuscritos gregos completos ou fragmentos de manuscritos, 10.000 manuscritos em latim e 9.300 manuscritos em diversos outros idiomas antigos incluindo siríaco, eslavo, gótico, copta e armênio. Alguns desses manuscritos foram escritos menos de cem anos após os originais. (Fonte: Wikipédia)

      Como podem ver, os manuscritos não estão de posse exclusiva do Vaticano, assim, não o podem destruir nem falsificar sem que o mundo saiba. Isso é Deus preservando a sua Palavra. Notem também que a primeira Bíblia impressa foi feita na Alemanha (que livrou Lutero da morte) e não em Roma Papal que o perseguia.

      Septuaginta é o nome da versão da Bíblia hebraica para o grego koiné, traduzida em etapas entre o terceiro e o primeiro século a.C. em Alexandria.

      Dentre outras tantas, é a mais antiga tradução da bíblia hebraica para o grego, língua franca do Mediterrâneo oriental pelo tempo de Alexandre, o Grande.

      A tradução ficou conhecida como a Versão dos Setenta (ou Septuaginta, palavra latina que significa setenta, ou ainda LXX), pois setenta e dois rabinos (seis de cada uma das doze tribos) trabalharam nela e, segundo a história, teriam completado a tradução em setenta e dois dias.

      “A Septuaginta foi usada como base para diversas traduções da Bíblia.

      A Septuaginta inclui alguns livros não encontrados na bíblia hebraica. Muitas bíblias da Reforma seguem o cânone judaico e excluem estes livros adicionais.” (Fonte: Wikipédia).

      Os Carolas enganados pela idolatria pagã imposta pelo papado, mentem que tem posse exclusiva da Bíblia, mas mentem descaradamente. Pois Deus a tem preservado longe do “poder” papal. Glória a Deus por isso!

      E, por último, o povo de Deus não perseque a igreja “Católica”, apenas anunciamos a verdade que liberta. Isso foi Jesus quem mandou: “Ide por todo o mundo, anunciai o Evangelho a TODA criatura, quem crêr e for batizado será salvo.

      Responda se puder? _Willhame, você foi batizado no Batismo de Jesus ou do papado? Você, ao tomar a santa ceia, toma só do “pão fininho” chamado hóstia ou toma do pão e vinho que Jesus mandou, em?

      Aquardo sua resposta.

      • Você é que não responde nada do que eu pergunto, você escreveu um artigo sobre perseguição aos cristãos, ai eu te fiz um questionamento simples, e você decidiu entrar num embate, debatendo outra coisa completamente diferente

        Sobre a Inquisição:

        Os tribunais da Inquisição não eram permanentes, sendo instalados quando surgia algum caso de heresia e eram depois desfeitos. Posteriormente tribunais religiosos e outros métodos judiciários de combate à heresia seriam utilizados pelas igrejas protestantes
        http://pt.wikipedia.org/wiki/Inquisi%C3%A7%C3%A3o

        As Igrejas protestantes também usaram métodos de combate as Heresias, porque você pretensiosamente chama a Inquisição católica de demoníaca ?, e as protestantes você chama de que? DIVINAS ?

        VOCÊ DISSE: “que Willhame tenta nos enganar a favor do Papado, pois, a Bíblia de Gutemberg original, encontrada no Vaticano, até o Brasil tem duas iguais. Isso impede que o Papa a falsifique para enganar o povo”

        Não existe bíblia original, a Bíblia é um livro muito antigo, traduzido diversas vezes

        VOCÊ DISSE “Como podem ver, os manuscritos não estão de posse exclusiva do Vaticano, assim, não o podem destruir nem falsificar sem que o mundo saiba. Isso é Deus preservando a sua Palavra. Notem também que a primeira Bíblia impressa foi feita na Alemanha (que livrou Lutero da morte) e não em Roma Papal que o perseguia.”

        Quando que a Igreja perseguiu Lutero, por acaso ele foi morto pela Igreja ? E por que Lutero fez tantas alterações na sua Bíblia ?
        JOÃO DIETENBERGER, contemporâneo de Lutero, faz essa apreciação: “O que Lutero não quer, ele o suprime na Bíblia; o que se ajusta com o seu querer ele o ajunta, em prova de seus erros” (Grisar III. 440. nota 1).
        PHILIPS VON MARNIX por sua vez escreve: “De todas as traduções em uso nas igrejas protestantes, nenhuma existe que se afaste tanto do texto original, como a de Lutero” (Tubenger Theol.: Quartalschrift, 2848).
        O protestante JOSIAS BUNSEN assinala 3.000 passagens falsificadas, e intitula a obra de Lutero a menos exata de todas, embora manifeste o produto de um gênio (F. Nippold: Christian Von Bunser, 1888, III, 183).

        VOCÊ DISSE: “Os Carolas enganados pela idolatria pagã imposta pelo papado, mentem que tem posse exclusiva da Bíblia, mas mentem descaradamente. Pois Deus a tem preservado longe do “poder” papal. Glória a Deus por isso!”

        Então porque as “Igrejas” evangélicas que alegam se basear somente na bíblia são tão diferentes ?, não tente subestimar minha inteligência dizendo que é a Igreja evangélica quem tem a verdade bíblica, cada uma tem uma interpretação bíblica diferente, assim fica difícil um evangélico inteligente ficar adstrito a sua interpretação por exemplo

        E esses manuscritos que você diz que são “originais” não fazem parte de nenhum dos exemplares de bíblias evangélicas que eu tenho, que são bem mais semelhantes a bíblia católica

        VOCÊ DISSE: “E, por último, o povo de Deus não perseque a igreja “Católica”, apenas anunciamos a verdade que liberta. Isso foi Jesus quem mandou: “

        Primeiramente, se a Igreja Católica nunca tivesse se tornado, a Igreja oficial do Império Romano, ela não teria se difundido, talvez, tivesse sido aniquilada, e tanto eu como você seriamos Mussulmanos ou pagãos

        Que dizer que é necessário estar na “Igreja” evangélica para ser chamado de povo de Deus, QUAL DELAS, SE HÁ TANTAS ?, QUEM É ESSE “POVO DE DEUS” ?, e você ataca a Igreja com todo tipo de difamação, eu acho isso até doentio da sua parte, você coloca uma foto do Papa beijando o Alcorão, para insinuar que ele não esta nem ai com a perseguição aos cristãos pelo mundo, isso é ridículo, isso é cafona, parece coisa de encrenqueiro, de quem adora entrar numa boa briga

        VOCÊ DISSE: ” Responda se puder? _Willhame, você foi batizado no Batismo de Jesus ou do papado? Você, ao tomar a santa ceia, toma só do “pão fininho” chamado hóstia ou toma do pão e vinho que Jesus mandou, em?”

        Fui batizado por imersão das águas em nome de Jesus, e não do Papado, assim como o Pão da hóstia, que não tem nada de diferente do que Jesus mandou, já que pão é feito de trigo, se você tiver dúvida a esse respeito, procure uma padaria qualquer e pergunte

        NOSSA RESPOSTA:
        Wilhame,
        sobre a hóstia, Jesus jamais mandou dá-las e sim mandou dar do pão e dar do vinho. Parece que você, assim como todo carola são forçados a contentar com “pão fininho”, enquanto só a elite do clero papal toma do vinho. Assim, veja o risco que corre:

        “Jesus pois lhes disse: Na verdade, na verdade vos digo que, se não comerdes a carne do Filho do homem, e não BERERDES O SEU SANGUE, NÃO TEREIS VIDA EM VÓS MESMOS.” Quem come a minha carne E BEBE O MEU SANGUE TEM VIDA ETERNA; E EU (Jesus) o ressucitarie no último dia. Porque a minha carne verdadeiramente é comida, E O MEUS SANGUE VERDADEIRAMENTE BEBIDA. Quem come a minha carne E BEBE O MEU SANGUE PERMANECE EM MIM (Jesus) E EU NELE.” (João 6:53 e 56). Viu porque o Papa não dá vinho pra pobre??? Porque estaria abençoando você seu tapado! Quer continuar amando seu Papinha e negando Jesus, vai em frente,… mas, saiba que no Juízo não vai poder dizer que nós não te avisamos.

        De que adianta você arrotar que sua Bíblia é a melhor, se não obedece nem o básico, que Jesus mandou?

        Sobre os originais das Escrituras: Estes existem sim, e já provamos que não são propriedades exclusivas do Vaticano, e jamais o foram.

        Sobre Lutero: Não estamos defendendo Lutero,… nós pregamos é o Evangelho do Senhor Jesus, afim de resgatar vidas com Ele, que é o único Salvador, de todo aquele que crer.

        Porque não respondeu onde foi Batizado? Pois, todos sabem que nenhum “católico” é batizado da maneira certa, como está na Bíblia. O seu papa não deixa, né?

        Ainda sobre Lutero: Todos os livros de história revela o fato de que o papado, só não matou Lutero, porque Deus preparou refugio na Alemanha. O que me diz dos outros reformadores que foram mortos, em? Até Galileu teve que desmentir que a terra era redonda e que não se movia, etc, pra não ser morto. Tenta culpar os evangélicos dos crimes da sua “santa” Inquisição, mas isso não prospera,… todos já sabem que o papado é que se aliou com Roma, pra gozar de poder assassino. E você acha que o papa fez o que é certo? Então vai acabar se aliando ao diabo, e ao antiCristo pra se livrar da persequição. Coitado!

        Povo de Deus existe sim, e são aqueles que “creram e foram batizados,” (Marcos 16:15 e 16). E, estes que serão arrebatados antes da Grande Tribulação narrada em Apocalipse 13. Leia!

        Finalizando: Suas desculpas não vão te livrar da condenação, pois diante de Deus, elas nada são. Obedeça pelo menos o básico. Saiba que só os evangelicos dão pão e vinho para todos, vai lá que te daremos.

  4. Primeiramente. Eu não vejo diferença entre Hóstia e pão, é tudo feito de trigo, você é que vê diferença por causa da formula

    Eu nem nego, nem nunca neguei Jesus em minha vida, a Igreja nunca me ensinou isso

    VOCÊ DISSE: “Sobre os originais das Escrituras: Estes existem sim, e já provamos que não são propriedades exclusivas do Vaticano, e jamais o foram.”

    Então porque tanta diferenças entre as bíblias das diferentes Igrejas?, eu não estou falando de diferenças entre a evangélica e a católica, mas entre as diferentes bíblias evangélicas

    VOCÊ DISSE: “Todos os livros de história revela o fato de que o papado, só não matou Lutero, porque Deus preparou refugio na Alemanha.”

    Leia um pouco os seus livros de história e saiba que, quem apoiou essa reforma foi os poderosos donos de terras da Alemanha, que queriam se apropriar das propriedades da Igreja, motivo pelo qual Lutero ordenou o massacre dos Anabatistas

    VOCÊ DISSE: “Até Galileu teve que desmentir que a terra era redonda e que não se movia, etc, pra não ser morto”

    Você parou de estudar na 4º série foi ?, ou como eu falei antes, usa doentilmente todo tipo de difamação contra a Igreja ? Então deixa eu te dar umas aulas de história

    A Igreja nunca negou que a Terra fosse redonda, se não ela teria repreendido Cristóvão Colombo e quem sabe até Pedro Alvares Cabral, para de inventar mentira, o problema foi porque naquela época nem a Igreja Católica nem a Evangélica aceitavam que a Terra não fosse o Centro do Universo, para de inventar mentira
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Galileu_Galilei

    Eu duvido que você lembre que a Igreja evangélica matou Miguel de Sevet na Fogueira

    VOCÊ DISSE: “Tenta culpar os evangélicos dos crimes da sua “santa” Inquisição, mas isso não prospera,… todos já sabem que o papado é que se aliou com Roma, pra gozar de poder assassino.”

    Eu acho que sua oposição doentia a Igreja esta te fazendo perder os neurônios, Eu estou culpando os evangélicos de que ?, uma coisa é a Igreja e outra é o povo evangélico a quem Deus ama, se eu digo que a Igreja evangélica cometeu atrocidades no passado assim como a católica, eu não estou culpando os evangélicos, e eu já disse, faça uma pesquisa histórica mais profunda, se a Igreja não tivesse sido oficial no Império Romano, você estaria lá em Meca rezando pra Maomé, Portugal e Espanha foram países Árabes durante toda a Idade Média

    E o que você me diz daquelas bruxas queimadas lá em Salém em ?

    “Povo de Deus existe sim, e são aqueles que “creram e foram batizados,” (Marcos 16:15 e 16). E, estes que serão arrebatados antes da Grande Tribulação narrada em Apocalipse 13. Leia!”

    Pare de fazer diferenciações ridículas, pois se não sabe a sua interpretação é “uma das” e não a única no meio evangélico, tem outras 30 mil Igrejas alem da sua, qual povo vai ser arrebatado ?

    VOCÊ DISSE: “Finalizando: Suas desculpas não vão te livrar da condenação, pois diante de Deus, elas nada são. Obedeça pelo menos o básico. Saiba que só os evangelicos dão pão e vinho para todos, vai lá que te daremos.”

    Quanta ignorância, você não dão pão nem vinho para ninguém apenas destribem medo e intolerância, as Igrejas estão se transformando em verdadeiras empresas, para que o rico cuspa na cara do pobre, fieis estão sendo conduzidos a Ignorância nas mãos de pastores espertalhões, insuflando terror e arrogância, você até me condenou ao inferno

    E toda esse debate é por causa de uma pergunta simples que você simples que você ainda não me respondeu

  5. Conhecem um grupo chamado de os afastados? Não? Pois bem faço parte deles. E sabem por que? Não temos ponto comum de doutrina com a igreja católica., como todo o mundo cristão. Dai voçes se perguntam. O que voçe esta querendo diser com isso? Simples. Não aceitamos o dogma da trindade.Não guardamos o domingo. Não acreditamos na imortalidade da alma . Pois toda a alma que pecar essa morrerá. Não aceitamos o nome jesus ou deus . POIS estes são de fato nomes pagãos. Procurem saber sobre os nomes verdadeiros do pai e do filho pois estes não poderiam ter sido adultedos. Mas a igreja a mãe de todas as igrejas o cuidou de o fazer. e todo o mundo pronuncia um nome que mal sabem o que significa. Pois os nome verdadeiros estes é que vão estar nas testas dos selados, Ou se assim não fosse todos os mortais se salvariam . certo? Então eu pergunto Será mesmo que estas pessoas form perseguidas e mortas por causa do nome de jesus e deus? Estdudem sobre o SELAMENTO e voçes irão descobrir, o que é e será realmente a perseguição. Estudem também sobre o nome verdadeiro Em VERdade oculta ou fim dos tempos e a nova ordem mundial e a igreja catolica juntamente com o protestantismo.

    NOSSA RESPOSTA:

    Sandra,
    Para que conheça de onde veio esta seita que te prendeu, leia esta pequena pesquisa:

    História e doutrina

    Um novo movimento está surgindo entre o povo, denominado Igrejas de Deus das Testemunhas de Iehoshua, conhecido também por Testemunhas de Iehoshua. Fizemos um levantamento sobre esta nova seita, pesquisamos seu material (algumas apostilas) e entrevistamos, via telefone, o fundador da nova religião. O movimento foi fundado em 1987, em Curitiba, PR, por Ivo Santos de Camargo. O fundador não possui formação teológica formal. Diz que estudou hebraico durante dois anos, após a suposta revelação.Atualmente dirige a Igreja, segundo ele, com cerca de 100 membros. Afirma que seu movimento está do Rio Grande do Sul ao Rio Grande do Norte.
    O fundador afirma nunca pertencer a uma igreja evangélica, mas diz haver visitado algumas delas. Diz que recebeu uma revelação de Deus sobre a pronúncia exata do tetragrama (nome divino, as quatro consoantes [YHWH] e que esse nome é o mesmo do Salvador. Segundo o fundador, o nome “Jesus” é uma abominação, é o paganismo do catolicismo romano. O nome que veio do céu, diz, é Iehoshua. Afirma ainda “ser filho direto da revelação”, portanto sua ordenação é direta com Deus. É contra a todas as igrejas evangélicas, admite que a salvação depende do conhecimento e da revelação do nome Iehoshua, e mesmo assim, dentro de sua organização religiosa.

    Os adeptos do referido movimento, sob a orientação de seu fundador, negam a doutrina da Trindade, embora defenda a deidade absoluta de Jesus. É o sabelianismo modal, como a Igreja Local de Witness Lee e a Igreja Voz da Verdade, do conjunto musical de mesmo nome. São sabatistas, defendem a guarda do sábado, como os adventistas do sétimo dia. Defendem duas categorias de salvos, mais ou menos como as Testemunhas de Jeová: Os cristãos salvos vão para céu, exceto os judeus, assírios e egípcios, estes herdarão a terra. São exclusivistas como as demais seitas pseudo-cristãs.
    Os adéptos da nova seita costumam visitar os templos evangélicos em grupos, para tumultuar o ambiente. Um membro do grupo pergunta ao pregador sobre Iehoshua e Jesus. É óbvio que dificilmente vai encontrar alguém que saiba hebraico, nem elas mesmas o sabem, são pedantes. Quando o pregador se embaraça os demais membros do grupo começam a gritar criando uma verdadeira balbúrdia no culto. São proselitistas. Estão preocupados em arrebanhar os cristãos evangélicos, pois são pescadores de aquários.

    É uma seita inexpressiva e seus argumentos só podem convencer as pessoas mais simples e os incautos. Suas crenças são inconsistentes e de uma pobreza franciscana. É bom lembrar que C. T. Russell, fundador das Testemunhas de Jeová, começou com suas idéias subjetivas, posteriormente transformando suas ficções em “verdades”, pelo processo de lavagem cerebral. Sua religião conta hoje com quase seis milhões de adeptos em todo o mundo. A Igreja do final do século passado e do início do século vinte subestimou o tal grupo. Com o trabalho ferrenho de casa em casa, aos poucos eles vão crescendo.

    Se as igrejas da atualidade subestimarem a seita Testemunhas de Iehoshua, poderemos ter o mesmo problema no futuro, pois a mentira repetida vinte vezes se torna “verdade”, como dizia Mussolini. Apesar das crenças dessas seitas serem ficções, doutrinas subjetivas, sem base bíblica, todavia elas estão fazendo proselitismo. O povo precisa saber que a crença delas é um combate contra o Cristianismo bíblico.

    JESUS OU IEHOSHUA?
    .
    Origem do nome
    O nome Jesus vem do hebraico (Yehoshua) — “Josué”, que significa “Iavé é salvação”. Josué era chamado de Oshea ben Num “Oséias filho de Num” (Nm 13.8; Dt 32.44). “Oshea” significa “salvação”. Moisés mudou seu nome para Yehoshua ben Num “Josué filho de Num” (Nm 13.16).
    A Septuaginta usou o nome (Iesus) para Yehoshua, portanto Iesus é a forma grega do nome Yehoshua, exceto I Cr 7.27, que transliterou por (Iousue) — “Josué”. Depois do cativeiro de Babilônia, o nome Yehoshua era conhecido por (Yeshua). Em Neemias 8.17 Josué é chamado Yeshua ben Num. Yeshua é o nome hebraico para Jesus até hoje em Israel. Isso pode ser comprovado em qualquer exemplar do Novo Testamento hebraico.

    O sumo sacerdote Josué, filho de Joazadaque, é chamado em hebraico simultaneamente de Yeshua (Ed 3.2, 8; 4.3; 5.2; Ne 7.7) e Yehoshua (Ag 1.1, 12, 14; 2.2, 4; Zc 3.1, 3, 6, 8, 9; 6.11). Embora nossas versões usem Jesua (Almeida Corrigida, Atualizada e Contemporânea) Jesuá (Revisada) Jeshua (Brasileira), contudo a Septuaginta não faz essa distinção — Usa Iesus para ambos. Iesus é o nome do Messias, o nosso Salvador, registrado no Novo Testamento, que chegou para nossa língua como Jesus.

    O NOME YEHOSHUA
    O que as Testemunhas de Jeová fazem com o nome “Jeová”, assim o fazem as Testemunhas de Yehoshua com relação ao Deus-Pai e ao Deus-Filho. O fundador disse que recebeu uma revelação de que a pronúncia correta do tetragrama não é Jeová, Javé, Iahweh e nem Yehovah, mas Iehoshua. Agora procuram justificar esta “descoberta” em Êx 23.20, 21, que diz: “Eis que eu envio um Anjo diante de ti, para que te guarde neste caminho e te leve ao lugar que te tenho aparelhado. Guarda-te diante dele, e ouve a sua voz, e não o provoques à ira; porque não perdoará a vossa rebelião; porque o meu nome está nele”. Afirma que esse Anjo é Josué, com base na expressão: “o meu nome está nele”. Como o nome “Josué” em hebraico é Yehoshua assim explica sua teoria.

    Negando a doutrina bíblica da Trindade afirma que Iehoshua é o nome do Deus de Israel, revelado no Velho Testamento, e que esse nome é o mesmo do Messias, que deve ser invocado por “Iehoshua” e não por “Jesus”. Segundo eles: “Jesus é o nome que os papas introduziram nas Sagradas Letras, blasfemando do nome que veio do céu”. Em outra literatura diz: “No fim do III século da era cristã, quando o bispo Jerônimo traduziu as Escrituras para o latim, a língua oficial do império romano. Nesta ocasião o nome original IERROCHUA foi substituído pelo nome grego-romano (IESOUS)”.
    É pena que essas vítimas estejam tão mal-informadas. Há textos do Novo Testamento anterior a data apresentada pela seita, que mostram que a infirmação dessas vítimas não é verdadeira. Por exemplo: Os papiros 45, 46 e 47, conhecidos como Chester Beatty, que se encontram atualmente no museu Beatty, em Dublin, Irlanda, são do início do terceiro século, e trazem a forma abreviada de (Iesus) — IS ou IC. Da mesma forma os Papiri Bodmeriani, 66, 75 e 76, que se encontra na Biblioteca Bodmer, em Geneve, Suiça. O papiro 75 contém os evangelhos de Lucas e João, é datado entre 175 e 225 AD. Esse argumento de que o nome Iesus é coisa de Jerônimo, no fim do século III não procede.
    Ensinam que o Pai é Filho e o Filho é Pai: Doutrina sabelianista. Jesus disse: “E na vossa lei também está escrito que o testemunho de dois homens é verdadeiro. Eu sou o que testifico de mim mesmo, e de mim testifica também o Pai, que me enviou” (Jo 8.17, 18). Essa passagen bíblica, por si só, destrói completamente o sabelianismo e qualquer doutrina unicista. Além disso, encontramos vezes, nos evangelhos, Jesus se dirigindo ao Pai como outra pessoa. Negam, como as Testemunhas de Jeová, a personalidade do Espírito Santo.

    O primeiro problema dessa interpretação, para não dizer invenção, é que a pronúncia Yehoshua, não comporta no tetragrama. Diz o fundador do referido movimento: “Essa vocalização foi feita pelo ANJO, não por homens”. Isso que a seita fez não é vocalização, pois as letras hebraicas (ayin) e (shin), que aparecem no nome Yehoshua são consoantes. O problema da pronúncia exata do tetragrama diz respeito meramente com as vogais, e o fundador acrescenta duas consoantes. As letras y (yiud), h (he) e w (vav) aparecem no nome Yehoshua, mas no tetragrama o he aparece duas vezes. O nome (Yehudah) “Judá” traz as quatro consoantes hdwhy, eliminando a letra dalet d fica o tetragrama hwhy. O nome “Judá”, em hebraico, se aproxima mais do tetragrama que o nome de “IEHOSHUA”. Nem com uma camisa-de-força seria possível ser essa a pronúncia exata do tetragrama, é impossível tal pronúncia. Yehoshua não é o nome do Deus de Israel e nem de seu Filho Jesus, mas o nome de dois personagens que são figuras de Cristo: Josué filho de Num e Josué filho de Jozadaque.

    O misterioso anjo
    Por que o referido Anjo deveria se Josué, segundo a seita? Alegam esses adeptos que isso é pelo fato de o texto afirmar: “o meu nome está nele”. A Bíblia diz que Deus pôs o seu nome sobre os filhos de Israel (Nm 6.27); sobre o Templo de Jerusalém (II Cr 7.15); sobre a cidade Santa e assim por diante. Por que só nessa passagem os adeptos de Ivo dos Santos Camargo afirmam que esse Anjo é Josué? Assim, essa expressão “o meu nome está nele” não justifica a teoria das Testemunhas de Iehoshua.

    O Anjo nesta passagem é um ser sobrenatural que haveria de proteger Israel até a total extinção dos amorreus, heteus, ferezeus, cananeus, heveus e jebuseus (Êx 23.23). A fortaleza dos jebuseus só foi conquistada por Davi, mais de 350 anos depois da morte de Josué (2 Sm 5.6-9). Logo esse anjo não pode ser Josué.

    Deus se manifestou como anjo diversas vezes. Esse misterioso Anjo aparece a Agar, no relato do nascimento de Ismael (Gn 16.7-13). No v. 10 o Anjo diz: “Multiplicarei sobremaneira a tua semente”. No v. 13 “E Ela chamou o nome do SENHOR, que com ela falava: Tu és o Deus da vista”. Quem falava com ela era Deus ou o Anjo? Da mesma forma, encontramos na teofania do sarçal ardente: “E apareceu-lhe o Anjo do Senhor em uma chama de fogo… e vendo o SENHOR que se virava… bradou Deus… Eu sou o Deus de teu pai… (Êx 3.2, 4, 6). Ora, quem apareceu a Moisés foi Deus ou o seu Anjo? Como se explica isso Esse Anjo, que além de apresentar atributos divinos, diz explicitamente que é Deus. Ele é o Messias pré-encarnado, portanto, o próprio Deus. É esse o significado de “o meu nome está nele”. (Êx 23.21). O próprio Josué teve um encontro com esse Anjo (Js 5.13-15).

    Assim fica claro que Yehoshua é um nome e o tetragrama é outro. O que nos espanta é o fato de alguém afirmar de maneira aleatória que “isso é aquilo” sem sustentação alguma baseado exclusivamente no subjetivismo e em cima disso criar uma religião. O pior de tudo isso é que ainda consegue adeptos!

    Algumas supostas objeções Questão da letra j. Diz o fundador das Testemunhas de Iehoshua que o nome correto de nosso Salvador não pode ser “Jesus” por não existe a letra j na língua hebraica. Esse argumento é de uma pobreza franciscana! É verdade que o j não existe no hebraico, grego e latim. No hebraico a letra y yud representante tanto o som vogal i como a consoante y. O mesmo acontecia com o latim com as letras i e u. O emprego das letras j e v para representar i e u consonânticos ocorreu na época do Renascimento, e difundido por Pierre de la Ramée. Por isso lemos Jerusalém, e não Yerushalayim; Jeremias, e não Yeremiahu; Jonas, e não Yonah; Joaquim, e não Yehoiacin; e assim por diante.

    O número 666. Alegam que a expressão “Jesus Cristo Filho de Deus” equivale ao número 666, isso para consubstanciar sua teoria de que o nome “Jesus” é satânico. Antes de tudo, convém salientar que, com um pouco de criatividade, é possível tomar o nome de qualquer personagem e adaptar com seus títulos selecionados até que se chegue ao número 666. Isso é possível fazer com o nome do próprio líder do movimento Testemunhas de Iehoshua. Quando se quer rotular alguém de 666 há muitas maneiras de fazê-lo. Se não funcionar em caracteres latinos, pode-se usar caracteres hebraicos. Se um título não encaixar, substitui por outro, ou adiciona mais um adjetivo. Se mesmo assim não for possível, basta criar cálculos cabalísticos. Esse artifício das Testemunhas de Iehoshua só convence quem prefere trevas à luz.

    Outro ponto importante é que não existe na Bíblia a expressão “Jesus Cristo Filho de Deus”. Essa construção não é bíblica. A Bíblia ensina inúmeras vezes que Jesus é o Filho de Deus, mas não com essa construção. Colocar essa construção em latim para depois adaptar ao número 666 é um artifício maligno para atacar o cristianismo bíblico.
    .
    Nome não se traduz. É verdade que nome não se traduz, mas se translitera conforme a índole de cada língua. Os nomes Eva, David e outros que levam a letra w wav, “v” em hebraico aparecem como Eua, Dauid, nos textos gregos. No grego moderno a letra b beta b na antigüidade”, hoje é v. Hoje se escreve Dabid para David e Eba para Eva.
    Há nomes que permanecem inalteráveis em outras línguas, mas não são todos. O nome “João”, por exemplo é Yohanan, em hebraico; Ioannes, em grego; John, em inglês; Jean, em francês; Giovani, em italiano, Juan, em espanhol; Johannes, em alemão. Jacó, em hebraico é Yaakov; Iakobo (Tiago), em grego; Jacques, em francês; Giácomo, em italiano; Jacob, em inglês. Há nomes que mudam substancialmente de uma língua para outra. Eliazar, em hebraico, é Lázaro em grego. Elisabete é a forma hebraica do nome grego Isabel. O argumento, portanto, de o nome deve ser preservado na forma original, em todas as línguas é inconsistente, sem apoio bíblico.

    Iesus. Alegam que o nome Iesus é uma zombaria do nome de Deus, pois sUs (sus) significa “cavalo” em hebraico. Esse argumento é um insulto à inteligência humana, porque Iesus é nome grego e sus é hebraico. O nome Iesus é a forma grega do nome hebraico Ieshua. Segundo O Novo Dicionário Internacional de Teologia do Novo Testamento, o “s” foi acrescido para facilitar a declinação: “Iesus é a forma gr. Do antigo nome judaico Yesua, forma esta que se obtém mediante a transcrição do heb., acrescentando-se um -s para facilitar a declinação”. “Cavalo”, em grego, é hyppos, e não SUS.

    Septuaginta. Quanto à Septuaginta, alegam que é uma lenda. É verdade que muitos rejeitam sua origem como descritas por Josefo e Aristéias, mas isso não anula a sua existência. No prólogo do livro apócrifo de Eclesiástico, datado do ano 38 da morte de Evergetes (aproximadamente 110 a. C) menciona a Lei, os profetas e os demais livros traduzidos para o grego. No Novo Testamento, em todos os livros que apresentam citações diretas do Velho Testamento, só nas epístolas a Timóteo e em II Pedro não há citações da Septuaginta. São citações de Gênesis, Êxodo, Deuteronômio, Salmos, Provérbios, Isaías, Oséias, Joel, Amós, Habacuque e Ageu. É correto, portanto, afirmar que a Septuaginta foi citada por Jesus e seus apóstolos.

    O nome Iesus, usado várias vezes na Septuaginta para o correspondente hebraico Yehoshua ou Yeshua aparece duas vezes no Novo Testamento grego em Atos 7.45; Hebreus 4.8, em relação a Josué filho de Num. Se os tradutores da Septuaginta mutilaram os nomes próprios do Velho Testamento, como querem as Testemunhas de Iehoshua, como explicar essas passagens do Novo Testamento? Será que os escritores neotestamentários cometeram o mesmo “erro”?

    Os manuscritos e papiros gregos do Novo Testamento trazem 15 nomes que são escritos de forma abreviada, são os nomina sacra, são eles: Deus, Pai (quando se refere a Deus) Senhor, Salvador, Filho, homem (na expressão Filho do homem), Jesus, Cristo, céu, Davi, Espírito,… […] O nome “Jesus” aparece de forma abreviada IS ou IC, na forma antiga: primeira e última letras do nome. O nome Josué aparece por extenso nas duas passagens citadas acima. Como o fundador do movimento das Testemunhas de Iehoshua descobriu que o nome escrito originalmente no Novo Testamento grego foi Yehoshua? Ele não acredita na autoridade dos manuscritos gregos? Veja o leitor que essa doutrina é um disparate.

    OS DISSIDENTES E SUAS CRENÇAS

    Apesar de o movimento ser tão novo, já saiu outro grupo dele. Os dissidentes do movimento, que também se identificam como Testemunhas de Iehoshua, defendem os mesmos princípios do fundador, indo mais além: Negam a autoridade do evangelho de Mateus; ser Jesus o Filho de Deus, dizem que Jesus é filho de José e Maria, negando o nascimento virginal de Jesus, alegam que só após a ressurreição ele “tornou-se” Filho de Deus.

    Filho de Deus
    Os dissidentes das Testemunhas de Iehoshua catalogam todas as passagens bíblicas que revelam a linhagem humana de Jesus para questionar a sua filiação divina. Isso para consubstanciar a sua doutrina de que Jesus tornou-se Filho de Deus pela sua ressurreição, e citam para isso Romanos 1.4. Onde eles citam tais passagens, deveriam acrescentar as passagens bíblicas que provam ser Jesus o Filho de Deus, mesmo durante o seu ministério terreno, portanto, antes de sua morte e ressurreição, mas isso não o fazem.
    A fé cristã nos obriga a crer que Jesus é o verdadeiro Deus e o verdadeiro homem. Jesus possuía duas naturezas: Humana e divina. A Bíblia está repleta de passagens que mostram o lado humano de Jesus, tanto nas características: Nasceu, cresceu, sentiu fome, sede, cansaço, sono etc., bem como a sua origem humana, traçada desde a genealogia. Isso, em nada neutraliza o lado divino e a sua filiação divina. Disse o apóstolo João: “Qualquer que confessar que Jesus é o Filho de Deus, Deus permanece nele, e ele em Deus” (1 João 4.15). “Quem é o que vence o mundo, senão aquele que crê que Jesus é o Filho de Deus?” (1 João 5.5). “Quem crê no Filho de Deus, em si mesmo tem o testemunho; quem a Deus não crê, mentiroso o fez; porquanto não creu no testemunho que Deus de seu Filho deu”(1 João 5.10).

    O evangelho de Mateus
    Eles recusam o evangelho de Mateus chamando-o de “Evangelho Duvidoso”, pois se diz que foi escrito originalmente escrito em hebraico e depois traduzido para o grego. Nessa tradução, segundo eles, o texto foi corrompido. Alegam que é o único dos evangelhos que tem o batismo em nome da Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo (Mateus 28.19); permissão para o divórcio (Mateus 19.9) salvação pelas obras (Mateus 25.34-36); substancia o papado (Mateus 16.16-19); considera o nascimento virginal de Jesus cumprimento de Isaías 7.14.

    Só pelo fato de este grupo rejeitar o Evangelho de Mateus já tem o repúdio dos cristãos. Não é um grupo de pessoas obscuras e de conhecimento bíblico duvidoso que vai por em xeque uma obra que passou por escrutínio da mais alta erudição durante esses vinte séculos de cristianismo. Seus argumentos são artificiais e inconsistentes.
    Ainda não está confirmado que Mateus escreveu o seu evangelho em hebraico ou aramaico. Apesar dos fortes testemunhos da patrística, desde o segundo século, contudo, nada há no conteúdo deste evangelho que confirme essa versão. Antes, o contrário, a expressão encontrada nele: “Que traduzido é: Deus conosco” (Mateus 1.23) mostra que não haveria necessidade de se traduzir o significado de “Emanuel”, uma vez que o texto já está em hebraico. Outro ponto interessante, é que há duas formas gregas de se escrever o nome” Jerusalém”: Jierosovluma, (Ierosolyma) — grega e jIerousalhv;m (Ierusalem) — hebraica. Mateus usa a forma grega, o que seria estranho para uma obra escrita originalmente em hebraico.

    “Eis que uma virgem conceberá”
    “Portanto o Senhor mesmo vos dará um sinal: eis que uma virgem conceberá, e dará à luz um filho, e será o seu nome Emanuel” (Isaías 7.14).
    O substantivo hebraico para “virgem” usado nesta passagem é (almah). Isto tem dado espaço para intermináveis controvérsias, principalmente por eruditos judeus e por teólogos “cristãos” modernistas, na tentativa de neutralizar a doutrina do nascimento virginal de Jesus. Alguns afirmam que a palavra mais apropriada para “virgem” seria (b’tulah) e com isso querem dissociar Mateus 1.23 de Isaías 7.14. Nessa linha estão também os dissidentes iehoshuolitas.

    A palavra b’tulah aparece 51 vezes no Velho Testamento hebraico e é traduzida 44 vezes por (parthenos), na Septuaginta. Ela pode se aplicar a uma mulher casada (Jl 1.8) o que não ocorre com o substantivo almah, que só se aplica a mulher solteira. W. E. Vine, com base em Joel 1.8, diz que b’tulah nos textos aramaicos tardios era aplicada a uma mulher casada. Isso, portanto, segundo Vine, traria muita confusão: “Não ficaríamos sabendo o que era exatamente o que tinha em mente. Estava se referindo a uma que era verdadeiramente virgem, ou uma que estava desposada, ou uma que já havia conhecido marido? À luz destas considerações, parece que a eleição da palavra almah foi deliberada. Parece que é a única palavra hebraica disponível que indicaria com clareza que aquela a que ele designa não estava casada”.

    O substantivo almah aparece 9 vezes no Velho Testamento hebraico (Gn 24.43; Êx 2.8; 1 Cr 15.20; Sl 46 (título, pois a palavra hebraica alamoth é plural de almah); 68.25; Pv 30.19; Ct 1.3; 6.8; Is 7.14). Em dois lugares a Septuaginta traduziu por parthenos, que significa “virgem” (Gn 24.43; Is 7.14). A mesma Rebeca que é chamada “virgem, [b’tulah, em hebraico] a quem varão não havia conhecido”, no v. 16 desse mesmo capítulo, é chama de almah. A Septuaginta foi traduzida antes do nascimento de Jesus (285 a. C., segundo Josefo e a carta de Aristéia). Há muitas controvérsias quanto a essa data. Qualquer que seja, o certo é que foi antes do nascimento de Jesus. A tradução foi feita por rabinos, portanto, entendiam que almah em Isaías 7.14 se tratava de uma “virgem”. Assim era o significado dessa palavra na época.

    É muito suspeito que só depois do surgimento do cristianismo que os judeus procuraram reavaliar o significado dessa palavra. As versões gregas do Velho Testamento, que vieram após o cristianismo substituíram parthenos por neanis “jovem”. Áquila era judeu e discípulo do rabino Akiva (morto em 132 AD). A outra versão é a de Teodócio, apóstata do cristianismo, que voltou ao judaísmo (final do segundo século AD); e finalmente a de Símaco, que era ebionita (seita judaica que negava a divindade de Cristo) preparada em 170 AD.

    Diz o Dr. Aage Bentzen, nada ortodoxo, contra a nossa linha conservadora, mas admite que parthenos veio dos próprios judeus: “Contra a Igreja os judeus sustentavam que Is 7.14 não fala de uma ‘virgem’ (parthenos), mas de uma ‘mulher jovem’ (neanis). Os cristãos respondiam acertadamente que a tradução parthenos provém de tradutores judeus”. Até hoje, para fazer frente contra o nascimento virginal de Jesus, os judeus, em Israel usam almah para “senhorita”.

    Há quem diga que o contexto do Velho Testamento não fornece luz suficiente para o significado de “virgem”, contudo, muitos eruditos afirmam o contrário. Gerard Van Groningen cita cinco autoridades no assunto sobre a palavra ugarítica galmatu encontrada nos documentos de Ras Shamra. Uma dessas autoridades, H. Wolf, em sua obra Interpreting and Glory of the Messiah, p. 450, diz: “Nos três lugares onde glmt, o equivalente exato de almah, é usado, ele refere-se a uma jovem procurada para casamento”.

    Gerard Van Groningen apresenta a seguinte conclusão: “Um exame dos materiais disponíveis a estudiosos e peritos, como indicado acima, leva-nos à segura conclusão de que, com base no uso do termo tanto em hebraico quanto em ugarítico o termo almah deve ser traduzido por ‘virgem’. A Septuaginta dá pleno apoio a isto e o testemunho do Novo Testamento (Mt 1.23) dá a palavra final. Isaías disse e pretendeu dizer virgem”.

    A Trindade
    Tanto as Testemunhas de Iehoshua como seus dissidentes, ambos negam a Trindade, como é característica das seitas. Segundo Jo 17.3, a doutrina de Deus é uma questão de vida ou morte. Jesus classificou o assunto como o primeiro de todos os mandamentos (Mc 12.29).

    O nome “Deus” é polissêmico na Bíblia. Aparece com referência ao Pai sozinho, como Deus verdadeiro e absoluto (Fp 2.11), em Jo 1.1: “…e o Verbo estava com Deus…”; com referência ao Filho, como sendo Deus absoluto, com toda a sua plenitude (I Jo 5.20; Cl 2.9; e na terceira parte de Jo 1.1: “…e o Verbo era Deus”. Da mesma forma com relação ao Espírito Santo (At 5.3-4); e muitas vezes esse termo “Deus” se aplica à Trindade (I Co 15.28; Mc 12.32). O mesmo acontece com o tegragrama hwhy (YHWH) “YAHWEH”, ou “SENHOR”, conforme nossas versões do Velho Testamento. Refere-se ao Pai (Sl 110.1), ao Filho (Jr 23.5-6), ao Espírito Santo (II Sm 23.2-3), e à Trindade (Dt 6.4; Sl 83.18).
    A Bíblia ensina que cada uma destas pessoas é Deus absoluto em toda a sua plenitude. Contudo não ensina um triteísmo, pois enfatiza a existência de um só Deus. A Trindade, portanto, é a união de três Pessoas distintas em uma só Divindade, e não em uma só Pessoa, pois a unidade de Deus é composta e não absoluta.

    Os dissidentes do movimento de Ivo dos Santos Camargo, além de negarem a Trindade, recusam aceitar a autoridade do evangelho de Mateus. A Trindade está em toda a Bíblia e não meramente em Mateus. Nenhum cristão está autorizado a rejeitar certos livros da Bíblia pelas suas peculiaridades. O fato de Mateus ser o único a registrar a fórmula batismal não significa que o texto seja espúrio, pois cada livro da Bíblia sem as suas peculiaridades. Marcos foi o único registrou o moço desnudo que fugiu por ocasião de prisão de Jesus (Marcos 14.51, 52). Lucas foi o único que registrou a origem de João Batista, a infância de Jesus, a parábola do filho pródigo, as passagens do Rico e Lázaro e do Bom Samaritano. João foi o único que registrou o milagre de Caná da Galiléia, transformando água em vinho, a ressurreição de Lázaro, o lava pés etc. Isso, por si só, destrói completamente o interpretação das Testemunhas de Iehoshua.

    Quanto à salvação pelas obras, convém salientar que a passagem de Mateus 25.34-36 não diz respeito à salvação. O texto fala do julgamento das nações. O divórcio não é peculiaridade de Mateus, Paulo também admitia o divórcio em certas circunstâncias (I Co 7.10-15). O nascimento virginal de Jesus é também confirmado em Lucas 1.34 “Então Maria perguntou ao anjo: Como se fará isso, uma vez que não conheço varão?”

    CONCLUSÃO
    .
    Ultimamente tem havido inúmeras inovações no meio do povo de Deus. Tanto fora da Igreja como no seio dela surgem as heresias. O apóstolo Paulo disse que Deus permite que isso aconteça para provar os fiéis (1 Co 11.19). É verdade que cada ser humano tem a liberdade pensamento e de expressão. Tem o direito de expressar seus pensamentos por mais exóticos que sejam. Causa-nos estranheza o fato de esses agentes dessas idéias excêntricas encontrarem adeptos, acharem quem acredite nessas invenções.

    Os fundadores de seitas costumam dizer que receberam revelação direta de Deus. Geralmente essas revelações contradizem a Bíblia. Seus adeptos, muitas vezes, deixam a Bíblia para seguirem seus líderes. Isso aconteceu com Joseph Smith Jr, fundador do mormonismo; William Miller, depois Ellen Gould White, com o adventismo do sétimo dia; Charles Taze Russell, fundador das Testemunhas de Jeová; etc., e agora Ivo dos Santos Camargo, com as Testemunhas de Iehoshua.

    Todo líder que procura impor uma inovação com base em suas supostas revelações, como doutrina básica de sua religião, deve ser rejeitado. A dona Valnice Milhomens resolveu defender a guarda do sábado porque, segundo ela, recebeu essa “iluminação” quando estava visitando Israel. Agora se insurge contra a ortodoxia cristã. Ainda que, no seu caso, não seja propriamente uma inovação, mas um retrocesso, pois os adventistas do sétimo dia já vem defendendo essa doutrina desde os dias da Sra. Ellen Gould White.

    O nosso alerta às igrejas se encontra no apóstolo Paulo: “Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina; persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem” (I Tm 4.16).

    (Pesquisa enviada pela companheira Carol)

    Como pode ver, há muito o que aprender. Exortamos a você em nome de ‘HVH que na língua original em Hebraico se refere ao verdadeiro nome de Deus Pai (Com letra Maiúscula), que continue estudando também pra não ser manipulada pelo engano. Lembra-se que Deus quando fala com Moisés disse que se chamava “Eu Sou”? (Exodo 3:14). Portanto, nosso Deus tem poder pra reconhecer quando estamos nos dirigindo a Ele, mesmo que o chamamos de “Pai” apenas.

    Que Deus (‘HVH) nos ilumine e nos livre dos enganadores de plantão.


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s